Mais de dois mil casos de dengue são registrados em Guaratinguetá

Mais de dois mil casos de dengue são registrados em Guaratinguetá

Mesmo com todas as atenções de cuidado voltadas a pandemia da Covid-19, é importante reforçar também as medidas de prevenção para a Dengue.

Nesta segunda-feira (27), a Secretaria da Saúde de Guaratinguetá
através da Vigilância Epidemiológica confirmou que os casos confirmados de
dengue já passaram de dois mil, registrando um total de 2.247 pessoas. Pontua-se
que 35 pessoas contraíram a doença em outras cidades.

Uma notícia que gerou um impacto positivo às outras pessoas que
suspeitavam ter contraído a doença, é de que após os exames laboratoriais,
receberam as respostas de que as suspeitas não foram confirmadas. Existem
também mais casos que estão sendo analisados em hospitais.

De acordo com a Secretaria da Saúde, não há confirmação de morte
diante do total de casos apontado. A Secretaria reforça a todos para que
mantenham as medidas de prevenção contra o mosquito Aedes Aegypti.

Em decorrência deste fato, foi abordado também o trabalho dos
agentes que vão até as casas dos moradores da cidade realizar a vistoria dos
locais. Foi confirmado que ralos apresentam uma chance maior para o surgimento
das larvas Aedes Aegypti.

A Secretaria Municipal da Saúde reforçou a mensagem de
conscientização, pedindo a cada morador realizar a inspeção em sua própria
casa. Com isso, o objetivo é de manter a saúde da população guaratiguetaense,
para que o número de casos possam diminuir em um ritmo maior.

 Medidas de prevenção

Para evitar a dengue, a zika e chikungunya, o primeiro passo é
se previnir. Assim, você ajuda a sua família e os seus vizinhos. Confira passo
a passo 
clicando aqui! 

Deixe uma resposta